Curta e fique por dentro!

[Resenha] Quero ser seu.


Título original: Let me be the one
Autor (a): Bella Andre
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
ISBN: 9788581632827

Sinopse: Ryan Sullivan sempre gostou muito de Vicki, a quem conheceu na adolescência, quando ela lhe salvou a vida: no estacionamento da escola, um carro desgovernado só não o atropelou porque Vicki o empurrou para longe. Desde então, eles se tornaram melhores amigos — pelo menos, melhores amigos até onde um homem e uma mulher lindos e sedutores conseguem ser. O tempo passou, Vicki casou-se e se separou, e Ryan seguiu sua vida de solteiro. Até o dia em que Vicki pediu-lhe um favor: será que Ryan poderia fazer as vezes de seu namorado para afastá-la de um homem mal-intencionado e pegajoso? Ryan não negaria esse favor a sua amiga, de forma alguma... Não só pelo carinho que nutre por ela, mas também por uma característica de sua personalidade: Ryan faz o tipo protetor (o tipo de homem com que toda mulher sonha em algum momento da vida). Agora, depois de brincarem de namorados, será que os dois conseguirão manter a amizade de sempre?

"Desde que você ame o que faz, Vicki, vale a pena."

Ryan Sullivan é um famoso jogador de beisebol. Além de ser conhecido por ser um bom jogador, ele também é conhecido por sua personalidade calma e tranquila. Mas, isso foi antes da volta de Vicki Bennet para sua vida.

Ryan e Vicki são melhores amigos desde que tinham quinze anos, e ela o salvou de ser atropelado por um carro. Eles passaram quinze anos afastados, só se falando por telefone e e-mail. Vicki é filha de militares e por isso está constantemente se mudando e foi isso que os separou anos há atrás. Depois, Vicki se casou e o contato entre eles se tornou algo raro. E, quando ela se separou e se deu conta de que precisava do Ryan em sua vida, descobriu que ele estava namorando e por isso se afastou.

Quinze anos depois, já adultos e com carreiras formadas, Vicki volta para São Francisco e por causa de uma situação constrangedora enviou uma mensagem para que Ryan fosse ajudá-la. E ele foi, sem hesitar nem sequer por um momento. Será que agora, finalmente, eles terão o final que tanto esperam?

"Ryan Sullivan finalmente havia encontrado alguma coisa pela qual era importante lutar. Amor."

Ao contrário dos outros livros do gênero, os protagonistas aqui não tem uma bagagem tão pesada. Na verdade, apenas a Vicki tem. Se casou com um homem que acreditava ser carinhoso e dedicado e no fim descobriu que ele era narcisista eegocêntrico. E causou muitos danos a sua auto-estima, contudo, felizmente eram danos reparáveis, e que o Ryan fez questão de ajudá-la a superar. Porém, eles têm um grande receio em relação a amizades dele, pois é algo que eles preservam muito e não querem estragar.

O livro é um clichê! Mas, um clichê que me encantou, me prendeu e me emocionou. Adoro livros onde o amor é tão nítido que é quase palpável. Bella se superou ao descrever e desenvolver um sentimento tão popular e importante, mas ao mesmo tempo tão único. Um amor que passou quinze anos sendo reprimido graças as situação e fases da vida de ambos.

Como sempre foi uma leitura rápida, fluída e muito gostosa de se fazer, coisas que são coisas que são características nos livros da Bella. O que mais gosto nos personagens da Bella é isso, eles não são nem um pouco machistas, pelo contrário eles prezam pelo sucesso e felicidade de suas amadas.

Um livro cheio de amor, amizade, relações familiares, superação. Com uma narrativa fluída, divertida e muito cativante. Personagens bem explorados e encantadores, impossível não se apaixonar e torcer pelo casal protagonista. Ryan Sullivan, com certeza, encantará você!


Beijos e até o próximo post!

15 comentários:

  1. Nossa que resenha linda, confesso que nunca li nada da autora, apesar de já ter visto várias resenhas sobre, gostei bastante da sua e da forma como expôs a história e fiquei bem curiosa com tal.
    Prabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi,

    Eu também adorei a resenha. Quero o livro na minha lista de desejados de 2017.
    Beijos
    jusemfrescura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu não conhecia o livro, embora eu já esteja cansada dessa premissa você conseguiu me deixar curiosa para conhecer mais dessa história e fiquei com vontade de ler.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Confesso que apesar de eu não gostar muito de clichês esse tipo de livro me agrada bastante, pois, como você disse, o amor é muito visível e, inconscientemente começamos a torcer pelos personagens, por um romance e tal. Adoro isso, ainda mais quando os autores deixam a narrativa cativante. Adorei a indicação! Beijos.

    thehouseofstorie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oiee ^^
    Eu não gosto de eróticos, mas li metade dessa série...haha' ganhei os três primeiros livros, gostei tanto que, quando os outros foram sendo lançados, fui comprando sem pestanejar. A receita das histórias é a mesma, mas cada uma tem um quê de especial, né? ♥
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Eu sou uma pessoa que não se empolga muito com romances, ainda mais um tão enrolado, mas, sei lá, você conseguiu me conquistar com sua resenha, fiquei bem curiosa com esses dois, quero muito saber se até que em fim eles conseguem se resolver XD
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Eu não me importo nem um pouco com livros clichês, desde que eles consigam ser marcantes e me encantar, e pelo jeito é o que acontece com essa leitura, que bom saber! Nunca li nada dessa autora, acredita? Mas estou com os dois primeiros livros da série na estante, e espero ler em breve!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Thayenne!

    Não conhecia o título, mas me interessei lendo a sua resenha. Gosto muio de romances, daqueles bem melosos sabe? Hahaha! Só por fazer parte do meu gênero favorito, vou adicionar à minha lista! Obrigada pela dica maravilhosa!

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Olá Thay,
    Não tenho vontade de ler os livros da Bella Andre, acho que as suas histórias não me cativariam.
    Gostei de conhecer sua opinião e achei legal a bagagem dos personagens não ser tão pesada. O clichê do livro não é algo que me incomode, as vezes, até gosto, mas vou continuar com meu 'pré-conceito' e deixar a dica passar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Os livro da Bella, pelo menos desta série, são b clichês mesmo, mas inegavelmente apaixonantes. Eu adoro enredos onde o casal é bem amigo e depois os sentimentos vão evoluindo. Acho que este tipo de amor e ainda mais forte.
    Adorei este livro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. nossa, que marido horroroso esse de Vicki. xD
    já ouvi falar muito da autora, mas hoje em dia é bem raro ver algo dela por ai... bateu nostalgia dos antigos titulos da NC... hehehe...
    mas o gênero em si não faz minha vibe... fujo dos clichês...

    bjs...

    ResponderExcluir
  12. Sua resenha está uma delicia de se ler. Sério. Você detalhou muito bem e fe com que eu quisesse pelo menos conhecer um pouco mais sobre a história.
    Só que eu estou com um pé atrás já que se trata de um clichê.
    Estou tentando dar uma basta desse tipo de livro na minha vida. Sei lá. Está tão repetitivo que já ficou chato.
    Acho que se eu for ler, vai ser bem lá pra frente mesmo.
    Bjs, Mila

    http://a-viagem-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Olá, apesar de parecer clichê eu gostei da premissa, achei bem gostosinho e com certeza eu leria. Acredita que nunca li nada da autora? Apesar de já ter lido coisas positivas sobre. Eu realmente não ligo de ser um clichê, não sei o que as pessoas tem contra, é tudo tão amorzinho. Adorei e já quero conhecer!
    Beijos.

    www.euvoceeoslivros.com

    ResponderExcluir
  14. Oie,

    Li o primeiro livro da Bella e não me chamou atenção. Apesar dos clichês, o que me desmotiva é em alguns momentos a falta de verdade dos personagens. N consegui vê realidade e comparar com personagens da vida real. O legal é saber que esse livro, em sua opinião, as personagens n trazem uma bagagem tão pesada. Por isso te parabenizo!
    Amanda Melo

    ResponderExcluir
  15. Acho que todo mundo já ouviu falar dessa serie, e como tal ela não era desconhecida por mim. Ate tenho o quinto livro e já cheguei a ter interesse por ela, mas hoje creio que não a leria.
    Apesar do clichê e final obvio deste livro, acredito que seria este o qual mais me agradaria.

    ResponderExcluir

© Entre óculos e Livros - Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayanne.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo