Curta e fique por dentro!

[Resenha] Betibu.


Título original: Betibú
Autor (a): Claudia Piñeiro
Editora: Verus
Ano: 2014
ISBN: 9788576862895

Sinopse: Três anos após o assassinato de sua esposa, quando parece que a tranquilidade voltou a reinar no condomínio de luxo La Maravillosa, o empresário Pedro Chazarreta é encontrado degolado, sentado em sua poltrona favorita, com uma garrafa de uísque vazia de um lado e uma faca ensanguentada na mão. Tudo leva a crer que foi suicídio, mas logo surgem dúvidas. Será que algum justiceiro quis vingar a mulher do empresário, assassinada na mesma casa? E terá sido essa a última morte, ou há mais perigos à espreita? Um dos jornais mais importantes do país deixa de lado por uns dias as pendengas com o governo para cobrir a fundo a morte de Chazarreta, enviando à cena do crime Nurit Iscar, uma escritora em crise criativa, e um jornalista jovem e inexperiente da seção policial do periódico. A eles se junta Jaime Brena, o antigo chefe da seção policial e admirador de Nurit, a quem apelidou de Betibu — em referência à sexy personagem de desenho animado Betty Boop. As descobertas do trio o levarão a mergulhar numa trama intrincada envolvendo homens poderosos e terríveis segredos de um passado em comum.

"A solidão é um estado interior que pode praticar até mesmo estando com outras pessoas, acredita."

Nutri Iscar ou Betibu (como é chamada pelos amigos) é uma escritora de sucesso, seu ramo da literatura é o romance policial e era muito boa nisso. Mas, daí se envolveu com Lorenzo Rinaldi e sua vida desandou, escreveu um livro só de romance que foi duramente criticado pela mídia e isso abalou sua confiança, e por isso parou de escrever.

Jaime Brena um famoso jornalista de polícia, que agora virou apenas mais um funcionário do jornal, foi rebaixado e não sabe se foi pela idade ou por sua inimizade com o diretor do jornal, Lorenzo Rinaldi.

O garoto da polícia – durante toda a história nunca foi revelado seu nome – entrou no jornalismo por causa dos amigos. E sua primeira oportunidade de emprego foi no jornal El Tribuno na seção de polícia, substituindo Brena que foi rebaixado. Ele era analfabeto no universo do jornalismo, mas com os ensinos de Brena encontrará seu caminho. 

Pedro Chazarreta foi assassinado. Até aí, tudo bem – ou não tão bem assim –, um crime como outro qualquer. Porém, as circunstâncias de sua morte chamam a atenção. Primeiro, há alguns anos atrás, a mulher de Pedro foi degolada quase da mesma forma que ele. Segundo, quem os matou tentou fazer passar por um suícidio. Muitos acreditavam que Pedro matou sua esposa, e ele até chegou a ser indiciado, mas foi solto por falta de provas.  

Agora com esta nova situação a vida desses três personagens se cruzaram. E um aprenderá com o outro a como solucionar um crime deste porte.

"Só se pode realçar o que se deve realçar e esconder o que se deve esconder."

No início, eu achei que não fosse gostar da leitura. O que mais me chamou atenção foi a sinopse, por causa da diagramação que é muito diferente e no começo me intrigou bastante. Não sei se  foi ideia da editora ou da autora, mas  o final da leitura acabei adorando. 

O leitor tem que está atento a narrativa, porque não há travessões ou aspas para indicar se é uma fala ou pensamento. O lado bom dessa diagramação é que, para pessoas como eu, que só para de ler ao fim de um capítulo ou de um parágrafo é que não há como parar 😱😍.

Os personagens foram bem construídos, e mesmo que os três citados acima tenham um destaque maior, ainda há muitos outros personagens envolvidos na história, não me aprofundarei sobre eles para não dar spoiler, mas o que vocês precisam saber é que todos tem um papel significativo na história.

Confesso que por um momento achei que a autora não fosse esclarecer quem era o autor das mortes. Mas, aos 45 do segundo tempo, ela foi lá e soltou a bomba no colo do leitor, e nos deixar a pensar sobre os comos e os porquês. O que achei genial, pois tenho certeza que demorará um tempo para eu esquecer essa história. Além disso, não acho qje haveria um final tão perfeito e que se encaixasse com tanta firmeza a história.

Um mistério de tirar o fôlego, principalmente quando novas peças vão se juntando as que eles já tem. Personagens fortes, narrativa fluída e um suspense que perdura até a última página. Quem é fã do gênero irá adorar a história contada neste livro.


Beijos e até o próximo post!

20 comentários:

  1. Oie
    Adoro esse gênero de livro. Já me ganhou na sinopse e sua resenha super empolgada fechou com chave de ouro.
    Dica super anotada.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Oiii, tudo bem?
    Sou apaixonada por esse gênero, mas não sei se leria mesmo, diante da confusão que a autora traz na obra, achei essa capa linda e parabéns pela resenha.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Hello! Tudo bem?
    Gente, nao conhecia esse livro Betibú e achei fofo o titulo hahaha.
    A capa está bem legal tb e essa historia com o misterio me deixou bem curiosa.
    Vou tentar ler depois, quero saber o final hehe.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  4. OI, Thay
    Nunca ouvi falar desse livro, mas confesso que a diagramação chama atenção. Pela capa não imaginaria como é a história. Gostei de saber sobre todos esses aspectos, principalmente sobre o suspense que amo em livros. Gostei da dica e leria sem dúvida.

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  5. Oi, não conhecia o livro e nem a autora, mas por ser um romance policial, já me conquistou e a trama em si, já chamou a minha atenção, pois fiquei instigada com o crime e quero saber o desenrolar da historia.Dica anotada
    bjus

    ResponderExcluir
  6. Eu já conheci o livro, tentei ler a um tempo, mas justamente o que me incomodou foi o ponto que você disse de não ter indicações de falas ou não. A história não fluiu tanto para mim, mas que bom que você gostou.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Eu não conhecia o livro, mas fiquei bem interessada na obra. Gosto de livros do gênero, apesar dessa falta da indicação das falas.
    Adorei saber que o livro possui personagens fortes, narrativa fluída e um suspense que perdura.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá, adoro romance policial e adorei a capa desse, não sei se a parte das não indicações das falas me incomodariam, mas penso que sim, mas irei tentar dar uma chance ao livro e ver se ele flui, bjs

    ResponderExcluir
  9. Eu, como fã do gênero, já adorei a resenha. Curioso para experimentar esse tipo de narrativa. Gosto de mistérios que só se revelam no último momento. Adorei.

    *☆* Atraentemente *

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Amo romances policiais. Tenho um carinho especial por Tess Gerritsen, não conhecia essa autora, nem a obra dela, dica anotada.

    Bjss

    ResponderExcluir
  11. olá
    Não conheço esse livro... mas a história pareceu ser realmente muito interessante.
    Gosto bastante do gênero do livro também.
    Vou dar uma pesquisada no livro e quem sabe o leio

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  12. Pela capa imaginária uma história completamente diferente, me surpreendi com a trama é bem curiosa a respeito do desenvolvimento da história. Dica anotada.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  13. Oie, nossa o livro parece ser super interessante, eu até gosto de livros desse gênero mas atualmente nem tenho lido nada dele, to muito na vibe romance menininha hahaha, mas a dica foi anotada! A Capa também é super fofinha (sou daquelas que compra livro oela capa, confesso)

    Beijos

    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  14. Olá.
    Eu realmente não consegui ler de boa um livro do gênero, então por enquanto vou dispensar a leitura embora a premissa seja boa. Outra coisa que me deixou com medo foi saber que não há nada que indique um dialogo, isso definitivamente me incomoda. Achei a capa do livro bem interessante.

    ResponderExcluir
  15. Thay lindona o fato de não identificação com travessão me incomoda um pouco, a premissa achei bem interessante, outra coisa soltar o nome do assassino no final do segundo tempo é algo que preciso acompanhar para saber minha reação. Dica anotada. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  16. Oie!
    Confesso que não esperaria nada disso que você disse a respeito do livro se o encontrasse em uma livraria, acho que a capa não condiz muito com o conteúdo né, não me parece uma capa para um livro de mistério e suspense, mas tudo bem. Achei a sua resenha bem interessante e ela me instigou a querer ler o livro.
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Oie
    noss,a já li um livro da autora mas nem sabia que ela tinha outros e nem conhecia esse, que linda a capa e fiquei muito curiosa, parece ser uma história muito legal

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá,

    Não conhecia a obra e nem a autora, mas adorei a premissa, sério, fiquei super intrigada e quero logo comprar o meu.

    Abraços,
    Cá Entre Nós!

    ResponderExcluir
  19. Thay, tudo bem? Nunca tive contato com a obra dessa autora, e confesso, olhando a capa eu nunca iria imaginar que se trata de um livro capaz de prender a atenção do leitor. A premissa, entretanto, achei interessante!

    Beijo

    Leitoras Inquietas

    ResponderExcluir
  20. Ooi! Não costumo ler o gênero, mas após sua resenha, confesso que fiquei curiosa rs
    Parabéns pela resenha \o/ Ótimas leituras.
    Bjs

    ResponderExcluir

© Entre óculos e Livros - Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayanne.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo