Curta e fique por dentro!

[Resenha] Toda a verdade.


Título original: The wole truth
Autor (a): David Baldacci
Editora: Arqueiro
Ano: 2011
ISBN: 9788580410310

Sinopse: Shaw trabalha para uma agência secreta de inteligência e sua vida se resume a viajar pelo mundo à caça de bandidos perigosos. Abandonado ainda bebê, sem laços afetivos e nem mesmo um nome próprio, ele nunca se importou com o fato de não saber se chegaria vivo ao fim do dia. Até agora. Envolvido com a alemã Anna Fischer, especialista em assuntos internacionais que trabalha para o Phoenix Group, em Londres, tudo o que Shaw quer é deixar essa vida para trás e se estabelecer tranquilamente ao lado da mulher que ama. Mas seus planos estão prestes a ser frustrados. Ao ver seus lucros diminuírem a cada mês, Nicholas Creel, dono da maior fornecedora de armamento militar do mundo, decide que é hora de provocar uma guerra. Para isso, contrata um especialista em manipular fatos e “criar a verdade”. Juntos, eles lançam uma campanha de difamação contra o governo russo, cujos efeitos são bombásticos. Quando todos os outros países já estão preocupados com a nova Ameaça Vermelha, um sangrento ataque ao prédio do Phoenix Group aumenta ainda mais a tensão mundial. Em meio a tudo isso, Katie James, uma jornalista premiada que caiu em desgraça por causa do alcoolismo, tem acesso ao único sobrevivente do Massacre de Londres que pode lhe dar o furo capaz de mudar sua vida. Enquanto as peças desse quebra-cabeça se juntam, Shaw parece ter pouco tempo para desarticular essa rede de intrigas e impedir que tenha início um conflito capaz de acabar com o mundo como o conhecemos.

"A maioria das coisas é mais importante do que o dinheiro, mas é preciso dinheiro para comprá-las."

Depois de balear Frank na cabeça e quase matá-lo, Shaw passou a trabalhar para ele, para não ter de ir para a prisão, mesmo Shaw tendo legado legítima defesa. O combinado era que Shaw trabalharia durante cinco anos e depois estaria livre. Já se passaram quase seis anos, mas Shaw nunca teve uma motivação para largar o emprego.

Durante sua estadia em Berlim, Shaw encontrou Anna sendo assaltada e espancada por dois homens, ele imobilizou ambos e chamou a polícia. Depois disso, levou Anna até o hotel onde ela estava hospedada, e passou a noite com ela, que estava assustada demias para ficar sozinha. E desde então, eles têm um relacionamento, que nem mesmo eles sabem como classificá-lo. Contudo, Shaw decidiu pedi-lá em casamento.

Para isso ele precisaria se aposentar, porém não existe aposentadoria no ramo dele, além de que Frank não está nem um pouco contente com a notícia. Shaw precisará fazer o impossível para conseguir sua liberdade.

Entretanto, uma tragédia acontece e forçará Shaw a ser forte de uma forma como nunca antes foi. Com a ajuda de Katie James – uma jornalista que ficou famosa ao ganhar dois prêmios Pullitizers, mas que agora tudo o que lhe restou foi o alcoolismo –, ele terá que descobrir quem está forçando uma guerra entre a Rússia e a China, e com isso matando inocentes. Não será uma tarefa fácil, mas Shaw tem sede de vingança.

"Você criava a verdade e depois enterrava a coisa real debaixo de tanto lixo que as pessoas se cansavam de cavar e aceitavam o que você oferecia. Era a saída fácil e os seres humanos eram programados para sempre usá-la."

O livro é muito bom! Mas, ao começar a lê-lo eu estava no meio de uma ressaca literária e por isso demorei muito a progredir na leitura. Mas, como não costumo abandonar livros, insisti. E acabei não só me livrando da ressaca, como adorando o livro. Eu já tinha lido outro livro do autor e fiquei bastante encantada por sua mente tão fascinante ao criar histórias. Não vejo a hora de ler outras coisas dele.

Vou começar a falar do protagonista. Shaw não tem sobrenome e não gosta de falar sobre o seu passado, na verdade ele mesmo sabe muito pouco sobre o assunto, o que deixa todo aquele ar de homem misterioso no ar, e que intriga muito o leitor. Além disso, Shaw possui talento e habilidades muito acima da média. E mesmo tentando ser invisível, sua enorme estatura não permiti, o que acaba sempre chamando atenção, coisa que ele detesta. Quando eu comecei a ler, acreditei que se trataria da história de um assassino sangue frio. Mas, daí, me deparo com o Shaw, que a princípio acreditei que fosse do mal, sendo que na verdade ele é obrigado a fazer o que faz, além disso, quando se apaixonou por Anna ficou nítido a mudança nele, infelizmente, nós os leitores não poderemos conhecer esse novo lado dele.
Já a Katie era uma mulher brilhante e muito inteligente, que após ganhar o Pullitizers acabou se entregando ao vício, o que muitos não sabe é que, ela é assombrada pelo fantasma ou visão (chame do que quiser) da criança que morreu para que ela pudesse ter sua matéria. É uma história muito triste e de parti o coração, mas os patrões da Katie só estavam preocupados com a matéria, isso deixou a Katie muito mal. Sem querer, ela esbarra no Shaw e de certa forma, ele a ajudará a combater seu vício.

É uma história um pouco complexa, mas que no final tudo se interliga e passa a fazer sentido. O autor foi brilhante ao aborda o tema da guerra fria e criar uma conspiração tão parecida e de proporções extraordinárias quanto a original. E o personagem por traz de tanta maldade (e inteligência, devo confessar) foi muito bem desenvolvido e a explicação dele também foi muito convicente e crível. 

Para os fãs de ação, segredos, mentiras, conspiração, suspense e mistério esse livro é um prato cheio. O livro tem uma narrativa em terceira pessoa que faz com que saibamos tudo o que está acontecendo de pontos de vistas diferentes, o que ajuda bastante o leitor a não ficar perdido na história. A narrativa também é bem fluída. E o autor criou e desenvolveu muito bem seu livro. Isso para não falar nos protagonistas que são muito badass.

Beijos e até o próximo post!

14 comentários:

  1. Adorei a resenha e fiquei super curiosa pra ler o livro! Não é meu gênero predileto mas gosto de ler alguns as vezes!

    ResponderExcluir
  2. Nossa!!! Não conhecia esse livro e pelo título, provavelmente, não me interessaria. Mas eu amo suspense e adorei a sua resenha!!! Estou super curiosa agora.
    Beijos

    www.umadoseparaomeudia.com

    ResponderExcluir
  3. Oiii Thayenne

    Embora não seja um gênero que eu leia geralmente sempre gosto de sair da zona de conforto de vez em quando lendo um thriller. Gostei da premissa dele, fica aqui anotadinho para futuras leituras.

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  4. Eita, não conhecia esse livro, mas parece uma leitura que eu gostaria. Adoro esse clima de conspiração e suspense. Com certeza anotarei a sua dica. Beijos!!

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  5. Gosto muito de livros assim "exalando" um suspense..
    Adorei sua resenha.

    www.misteriosliterarios.com.br

    ResponderExcluir
  6. Adoro um suspense, adorei a sua resenha ,o livro já esta na minha listinha de desejados 😍

    ResponderExcluir
  7. Meu Deus 😱 é exatamente o livro que eu estou precisando ler 😊Amo livro assim e com a sua resenha fiquei morrendo de vontade de lê-lo!!
    Beijos, meumundomeusbooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Só por essa capa eu já saia correndo pra comprar! Resenha muito mara!

    ResponderExcluir
  9. Falam tão bem desse autor, morro de vontade de ler mas é aquela história né, muitos livros na lista pra pouco dinheiro no bolso então sempre vou adiando kkkkkkkk. Ótima resenha!!

    viajenumlivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Parece ser legal o livro, acho que vou dar uma chance

    ResponderExcluir
  11. Uau, não conhecia esse livro, mas já quero muito ler! Esse tipo de tema sempre chama muito a minha atenção! Amei sua resenha
    Beijos

    www.ironiadascapas.com.br

    ResponderExcluir
  12. Esse tema sempre me chama muito atenção. Fiquei realmente curiosa para ler. Nunca tinha ouvido falar desse livro.
    Beijinhos da Fran
    insidethebookssite.wordpress.com

    ResponderExcluir
  13. Fiquei muito curiosa para ler esse livro , motivos:

    1 : Capa Maravilhosa
    2: Adorei a resenha
    3: Amo suspense

    Obrigada pela dica!

    Beijos
    Jéss
    www.pintandoasletras.com.br

    ResponderExcluir
  14. Eu fiquei apaixonada por essa capa, e pela resenha parece uma boa leitura. Mas não me lembro de ter ouvido sobre esse autor ou o livro, mas vou dar uma olhada. Obrigada pela indicação o/

    Beijos, Carol
    Blog com V.

    ResponderExcluir

© Entre óculos e Livros - Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayanne.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo