Curta e fique por dentro!

[Resenha] Poder.


Título original: Beauty
Autor (a): Sarah Pinborough
Editora: Única
Ano: 2013
ISBN: 9788567028255

Sinopse: Acordar uma princesa pode ser letal. Para fãs de Once Upon a Time e Grimm, a série Encantadas prova que contos de fadas são para adultos! Quando um príncipe mimado é enviado pelo seu pai para tentar desvendar os mistérios de um reino perdido, ninguém imagina os perigos que ele encontrará pela frente! Acompanhado da figura sóbria e sagaz do Caçador e de Petra, uma jovem valente que possui uma ligação muito forte com a floresta, o príncipe acaba encontrando um reino adormecido por uma estranha magia. Todos os seres vivos foram cercados pela densa mata e estão dormindo, em um sono pesado demais, que só poderia vir da magia. Mas que tipo de bruxaria assolaria uma cidade inteira e seus habitantes? E, principalmente, quem faria mal a uma jovem rainha tão boa e tão bela? A não ser, claro, que os olhos não percebam o que um coração cruel pode esconder... Poder é o terceiro volume da trilogia Encantadas, e traz como história principal o conto da Bela Adormecida. Porém, esqueça os clichês tradicionais e se entregue a uma nova visão dos contos de fadas, em que heróis e anti-heróis precisam se unir para não perecerem à beleza superficial de princesas e rainhas egocêntricas e aos príncipes em busca de aventuras.

"E por que uma mulher devia se negar ter prazer só porque um homem inseguro poderia pensar mal dela?"

O Rei e a Rainha andam preocupados com as atitudes do Príncipe, eles sabem que foram eles que estragaram o jovem, mas acreditam que ainda há tempo de consertá-lo. O Príncipe tem frequentados muitas festas e chegando em casa de manhã completamente embriagado. O Rei decide mandá-lo em uma aventura. Com a ajuda do Caçador, o Príncipe terá que ir até bem próximo do Monte Ermo, onde se localiza um reino amaldiçoado, a função do Príncipe é descobrir como quebrar a maldição.

Com a ajuda de Petra – ou chapeuzinho vermelho –, o Caçador e o Príncipe não só chegam ao reino adormecido como quebram a maldição. Depois de passarem pela barreira de plantas, eles chegam ao reino, e lá o Príncipe se encanta com a bondade e beleza da princesa Bela. Eles mal se conhecem, contudo já marcam a data do casamento. 

Dias antes do casamento, Bela mostra seu "outro lado" e deixa o Príncipe traumatizado. O Príncipe acha difícil acreditar que Bela possa ter duas naturezas tão distintas, mas depois de presenciar seus atos de maldade, ele não vê outra solução se não abandoná-la. Porém, o outro eu da Bella possui magia e não deixará que ele escape tão impunimente.

Recorrendo a ajuda de Rumpelstiltskin, quem criou a maldição e a colocou em execução, o Príncipe e o Caçador, com a ajuda de Petra e seu novo amor, Toby (o lobo mau), eles tramam para que Bela adormeça novamente. Basta saber se eles serão bem sucedido nesta nova missão.

"Contudo, como acontece toda vez que fingimos que uma situação não é ruim, para todo homem ou mulher chega um momento em que não dá mais."

Eu achei maravilhoso a forma como a autora entrelaçou os três livros da série. Não importa por qual livro você começar, a história é a mesma e sem spoiler. A Sarah foi tão meticulosa em relação a cronologia que não há como haver confusão por parte do leitor, ficou tudo muito claro e conectado. Sem nenhuma ponta solta.

Nas duas resenhas anteriores, eu falei que a um quê de feminismo nas histórias, e acredito que nesse livro isso ficou mais nítido. A começar pelos protagonistas masculinos, que apesar de cumprirem o seu papel, não tinha todo aquele destaque como em outras histórias. Todo o foco da série Encantadas é voltado para as protagonistas maravilhosas. Nada de esperar que o príncipe venham salvá-las, elas mesmas se salvam, e confesso amei isso!

Fiquei impressionada com a característica da princesa Bela. Ela não só era a princesa como também era a fera, sendo que a parte boa não sabia sobre a parte má, mesmo isso não tendo sido explicado de uma maneira mais ampla, deu para entender como isso foi criado. Gostaria que houvesse um spin-off sobre a mãe da Bela, pois daria uma excelente história, além de que explicaria melhor como a Bela e a Fera podem habitar um único corpo. Fica a dica aí, Sarah 😂.

Enfim, o final – ou começo ou meio, dependendo de por qual livro você começar – da série foi maravilhoso e brilhante. Se eu gostei dos livros anteriores, não tenho nem palavras para explicar o quanto Poder foi uma leitura incrível para mim. A Bela e a Fera é meu conto de fadas favorito, mas o que me fez gostar tanto de Poder foi o modo como a autora conduziu a história, como conseguiu em poucas páginas criar uma história envolvente e fantástica. Espero que apreciem bastante essa leitura! Mais do que recomendada.

Beijos e até o próximo post!


27 comentários:

  1. Fico feliz por você ter gostado do livro, mas ele não me desceu. Não consegui gostar nem um pouco dele :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Joana!

      É uma pena que não tenha gostado :( mas, é assim mesmo, gosto é algo muito pessoal.

      Xoxo, Thay!

      Excluir
  2. Essas releituras parecem MUITO interessantes. Isso que você falou sobre o feminismo foi muito bacana e uma sacada muito atual da autora, chega de principes salvadores da pátria né? Acho melhor a pessoa nem ler os originais e pular pra esses mesmo hahaha.


    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a Deus que as mulheres estão ganhando destaque o// Já estava cansada das protagonistas mimizentas :/

      Xoxo, thay

      Excluir
  3. Que legal, faz um tempo que estou querendo ler esses livros, agora que mais ainda! Essa coisa de releitura me faz lembrar Once Upon a Time >< Quero muito ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é tão parecido com OUAT, mas entendo a comparação. Leia mesmo, eu adorei, quem sabe você também não possa, né?

      Excluir
  4. Depois dessa sua resenha do último livro da saga, não consigo mais aguentar de ansiedade para poder lê-los!
    Espera um pouco, chapeuzinho vermelho é um homem ou eu entendi errado? heuehuehehu scrr
    Desde OUAT sou fã do Rumpelstiltskin haha
    Amei sua resenha, beijinhos!

    www.ironiadascapas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alana!

      Também gosto muito de OUAT, mas estou um pouco desatualizada hahaha. Enfim, não chapeuzinho é mulher! Só que tem esse nome diferente, Petra.

      Xoxo, thay!

      Excluir
  5. Depois de suas resenhas fiquei supeer curiosaaa , chapeuzinho é Homem? adorei quando você disse que em poucas páginas a autora conseguiu criar algo mágico, adoro isso quando um livro consegue cativar mesmo sendo fino <3
    amei a resenha
    beijos
    leitoresjardimliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, no começo fiquei receosa por causa do número de páginas, mas a autora me encantou.
      Não, a chapeuzinho é mulher, só tem um nome incomum mesmo hahaha

      Excluir
  6. Agora depois dessa resenha eu preciso urgente ler esse livro !! E nossa, chapeuzinho é homem?!Esse livro é bem interessante.
    Amei sua resenha!!
    Beijos,
    meumundomeusbooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia! Leia! Leia! E depois me diz o que achou :)
      Obrigada!

      Excluir
  7. Oiii Thay tudo bom?

    No começo eu literalmente morria pra ler essa série. Mas depois veio Crônicas Lunares e eu acabei esquecendo desta. Logo após li algumas criticas ruins desses livros e então desencantei total. Agora com tua resenha me deu vontade de ler de novo! Eu tenho o primeiro aqui em casa, vou ler e se gostar quero completar a série. Obrigada pela recomendação

    Beijos

    http://unbloglitteraire.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Estou ansiosa para ler esses livros, falta somente tempo. Amo contos de fadas recontados assim. Ainda mais que você disse que é mais feminista. Bom saber que as princesas se viram sozinhas. Haha
    Beijinhos da Fran
    insidethebookssite.wordpress.com

    ResponderExcluir
  9. Adorei a resenha! Me interessei pelo livro :v

    http://agridocespensamentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu li os três livros da saga e em todos fui surpreendida, talvez pelo fato de estar tão acostumada as histórias tão convencionais das princesas. Contudo o último foi o que mais me chocou. A ferocidade da Bela me deu arrepios.

    beijinhos, Mia

    miaestanteliteraria.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Não consegui ler nenhum desses livros :/ estava muito ansiosa pra ler, mas ouvi tantas criticas ruins que acabei ficando desanimada. Irei esperar minha irma ler eles para ver se consigo hshs
    bjinhos
    http://detudo-umtodo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Amei a resenha! E já te falei que quero essa série toda né? Rs

    Beijoois

    ResponderExcluir
  13. vi que algumas pessoas não gostaram, mas eu ja adorei quando citou Once Upon a Time já quase morri. haahhaha

    ResponderExcluir
  14. Ai menina!! estou super curiosa para ler esse livro! e série toda!

    Adorei a resenha!!

    Beijos
    www.pintandoasletras.com.br

    ResponderExcluir
  15. Adoro essas coisas de releitura e estava louca pra ler essse ♡

    ResponderExcluir
  16. As opiniões sobre essa trilogia são bem diferente, já vigente super criticando esses livros, dizendo que são os piores livros e tal rs Mas eu não li então não posso entrar nessa discussão. Amo releitura então acredito que posso gostar dessa também.
    Beijos.
    http://www.livrofilia.com/

    ResponderExcluir
  17. Não li a série, mas amo contos de fadas e, em especial, o da Bela e a Fera!!! Não entendi porque eles traduziram o título para Poder no Brasil... Achei o título bem mais coerente em inglês.
    Amei a resenha!
    Beijos.

    www.umadoseparaomeudia.com

    ResponderExcluir
  18. Não li a série, mas amo contos de fadas e, em especial, o da Bela e a Fera!!! Não entendi porque eles traduziram o título para Poder no Brasil... Achei o título bem mais coerente em inglês.
    Amei a resenha!
    Beijos.

    www.umadoseparaomeudia.com

    ResponderExcluir
  19. Eu amo releituras e contos de fada! Acho incrível como as autoras são criativas. Amei como você conduziu a resenha, e o primeiro quote me ganhou. Como feminista assumida, é natural que eu game em livros que trazem essa temática de alguma forma. Vou procurar ler os livros!

    Beijão, Carol
    blogcomv.wordpress.com

    ResponderExcluir

© Entre óculos e Livros - Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayanne.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo