Curta e fique por dentro!

[Resenha] Suicidas.


Autor (a): Raphael Montes
Editora: Benvirá
Ano: 2012
ISBN: 9788564065574

Sinopse: Um porão, nove jovens e uma Magnum 608. O que poderia ter levado universitários da elite carioca e aparentemente sem problemas a participarem de uma roleta-russa? Um ano depois do trágico evento, que terminou de forma violenta e bizarramente misteriosa, uma nova pista, até então mantida em segredo pela polícia, ilumina o nebuloso caso. Sob o comando da delegada Diana Guimarães, as mães desses jovens são reunidas para tentar entender o que realmente aconteceu, e os motivos que levaram seus filhos a cometerem suicídio. Por meio da leitura das anotações feitas por um dos suicidas durante o fatídico episódio, as mães são submersas no turbilhão de momentos que culminaram na morte dos seus filhos. A reunião se dá em clima de tensão absoluta, verdades são ditas sem a falsa piedade das máscaras sociais e, sorrateiramente, algo muito maior começa a se revelar.

"O pôquer simula a vida. Às vezes você perde, às vezes você ganha, mas o negócio é manter-se lá, jogando."

Nove jovens de boas famílias da zona sul do Rio de Janeiro se suicidaram. Na verdade, a polícia não sabe bem o que realmente aconteceu, a não ser que eles estavam brincando de Roleta Russa, e a casa onde foram encontrados estava repleta de drogas e bebidas alcoólicas.

Um ano após a tragédia e depois de muito quebrar a cabeça na busca por respostas, Diana Custódio, delegada responsável pelo caso, reuniu as mães dos jovens para que elas tentassem lhes dar alguma informação, já que outro livro do Alessandro (um dos jovens que supostamente cometeu suicídio) foi encontrado, e contêm relatos do que teria acontecido naquele dia.

Diana junto com as sete mães inicia a leitura do livro. E o que fica claro é, Zak foi quem teve a ideia da roleta russa, logo após a morte dos pais. Mas, o que não fica claro é, porque os outros jovens participariam de algo tão dramático. Como tudo o que sabem é por meio de anotações, ou seja pelo ponto de vista do Alessandro, as mães ficam em dúvida sobre a veracidade dos fatos, já que elas não faziam ideia de com quem e o que os filhos faziam.

A cada capítulo do livro do Alessandro lido, uma nova informação é revelada. O que deixa as mães ainda mais agitadas é a probabilidade de que uma delas tenha ajudado no assassinato dos pais do Zak. E é a partir daí que a história começa a pegar fogo.

"Eu acredito que existe uma força oculta que nos empurra em direção ao precipício. Uma hora você chega à beirada, prestes a cair no abismo, e percebe que deve enfrentar essa força oculta, apesar das dificuldades."

O que dizer desse autor brilhante, genial e com a capacidade para criar cenas realísticas? Desejo apenas que ninguém nunca provoque raiva nele. Hahaha. Eu já tinha descoberto todo mistério do livro, porque dei uma espiada nas últimas páginas. Mas, confesso que fiquei chocada com a inteligência e maldade do personagem. Ele simplesmente criou um filme de horror nas vidas dos seus amigos e tudo para se beneficiar. Foi de uma perversidade enorme o que ele fez e o pior conseguiu enganar a todos.

O que mais me impactou foi a forma como o personagem explicou como e porque fez tudo o que fez, como se fosse uma coisa rotineira e não a vida de outras pessoas. E o pior conseguiu sair ileso.

Uma dica anote o nome das mães e ao lado nome dos filhos, porque haverá muitas cenas em que algumas mães pouco apareceram, mas que no final terá uma grande importância, além disso algumas mães passam despercebidas mesmo, apenas algumas mas barranqueiras *cof, Olivia, cof* serão mais visíveis.

Uma leitura impactante, fluída, brutal e de uma inteligência incomparável, que deixará o leitor se questionando se isso é realmente ficção dado a veracidade da história. O autor conseguiu me convencer que aquilo de fato poderia acontecer, e isso me deixou muito impressionada. Uma leitura maravilhosa e brilhante!

Beijos e até o próximo post!

12 comentários:

  1. Esse livro sou louco para ler, e o Vilarejo também, mas esse é daqueles livros que você tem que ir sem ler nada sobre. Não vejo a hora de ler.Porém ele é difícil de achar.Adorei a resenha..

    ResponderExcluir
  2. Confesso que pulei umas partes da resenha por medo de revelar muito da história hahaha estou dooooida pra ler esse livro, pena que é caro. Desse autor eu comprei Dias Perfeitos, mas ainda não li.

    ResponderExcluir
  3. Oie!!!

    Gostei de sua resenha, mas não gosto desse gênero literário, acho que vou passar a vez de sua dica, mas mesmo assim, obrigada! ;)

    Bjks e Boas Leituras!

    www.linguaeliteratura.com.br

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler este livro. Com certeza após esta resenha acabei ficando mais instigada para lê-lo!!!

    ResponderExcluir
  5. Amei sua resenha, estou doida para ler esse livro!
    Beijos
    leitoresjardimliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Thay,

    Que livro incrível ! já tinha visto uma resenha sobre ele, mas a sua me convenceu! preciso!!

    Beijos!
    www.pintandoasletras.com.br

    ResponderExcluir
  7. Depois que li Dias Perfeitos e O Vilarejo do Raphael Montes, decidi ler tudo dele, até a lista do super mercado, se eu achar. Já ouvi falar muito bem desse livro e NECESSITO ler ele. Adorei a resenha, beijos!

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o livro, me parece muito bom!

    http://viajenumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro, parece incrível. Nunca vi nada parecido com esse enredo, fiquei muito curiosa pra ler. Parabéns pela resenha.
    Beijinhos da Fran
    insidethebookssite.wordpress.com

    ResponderExcluir
  10. Uau, adorei sua resenha, ainda não conhecia esse livro, mas já foi pra minha lista, amo livros nesse gênero!
    Bjs

    www.ironiadascapas.com.br

    ResponderExcluir
  11. Nunca tinha ouvido falar desse livro, como assim??? Gente, ele é muito intenso, e interessante pelo que li na sua resenha!

    Beijos, Carol
    Blog com V.

    ResponderExcluir
  12. Eita, que loucura genteney, eu amo livros desse tipo, mea deusa.

    ResponderExcluir

© Entre óculos e Livros - Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayanne.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo