Curta e fique por dentro!

Resenha #96: Ligações.

Título original: Landline
Autor (a): Rainbow Rowell
Editora:Novo Século
Ano: 2015
ISBN: 9788542804812

Sinopse: GEORGIE MCCOOL sabe que seu casamento está estagnado. Tem sido assim por um bom tempo. Ela ainda ama seu marido, Neal, e ele também a ama, profundamente – mas o relacionamento entre eles parece estar em segundo plano a essa altura. Talvez sempre esteve em segundo plano. Dois dias antes da tão planejada viagem para passar o Natal com a família do marido em Omaha, Georgie diz a ele que não poderá ir, por conta de uma proposta de trabalho irrecusável. Ela sabia que ele ficaria chateado – Neal está sempre um pouco chateado com Georgie –, mas não a ponto de fazer as malas e viajar sozinho com as crianças. Então, quando Neal e as filhas partem para o aeroporto, ela começa a se perguntar se finalmente conseguiu. Se finalmente arruinou tudo. Mas Georgie estava prestes a descobrir algo inacreditável: uma maneira de se comunicar com Neal no passado. Não se trata de uma viagem no tempo, não exatamente, mas ela sente como se isso fosse uma oportunidade única para consertar o seu casamento – antes mesmo de acontecer… Será que é isso mesmo o que ela deve fazer? Ou ambos estariam melhor se o seu casamento jamais tivesse acontecido?


"Tipo, se você se apaixona, se tem essa sorte, quem é você pra questionar se isso basta pra te fazer feliz?"

George e Neal estão casados há quatorze anos e como fruto desta relação eles tem duas filhas lindas. Como todos os casais eles brigam, mas ultimamente o Neal tem se chateado por qualquer coisa. George tem que cancelar sua viagem para Nebraska, onde a família iria passar o Natal e essa desistência foi a gota d'água pro Neal, que decidiu seguir viagem com as meninas, mesmo sem a George.

A mãe de George a trata como se ele estivesse se divorciando, coisa que nem a George não tem certeza. A mãe dela nem se incomoda mais com sua presença, até deixa o jantar pronto para quando e ela chega do trabalho. George é roteirista/escritora de comédia e por isso não pode viajar, pois de última hora seu sonho acabou sendo realizado, que é ter seu programa de tv, o programa - e o sonho - não é só dela, e sim de seu melhor amigo, Seth.

George nunca passou tanto tempo longe do Neal, isso está acabando com sua concentração. Ela decidi ligar para o celular do Neal só que ninguém atende e quando atendem ele nunca está disponível ou por perto. Cansada e com medo desse silêncio, ela liga do seu velho telefone amarelo, aquele no qual anos há atrás usava para se comunicar com o Neal quando ele voltava para passar as férias em casa, em Nebraska.
Contudo, quem atende a ligação não é o Neal de hoje, e sim, o Neal de quinze anos atrás. Aquele que terminou tudo com ela e passou duas semanas sem dar sinal de vida. Por que esse telefone mágico - como a George o chama - surgiu logo agora? Há algo de errado a ser consertado? É o que você descobrirá ao ler Ligações.

"- Só porque você ama uma pessoa - disse ela -, isso não significa que as suas vidas vão combinar.
- A vida de ninguém combina - disse Neal. - Combinar é algo em que se trabalha. É algo que você faz acontecer. Porque ama o outro."
 
Já li os quatros livros da autora lançados aqui no Brasil, e a evolução do primeiro livro da Rainbow (Fangirl) para esse é perceptível, eu me encantei pela estória que foi construída aqui neste livro. A autora abordou o tema casamento de uma forma que possamos usar as reflexões da personagem principal em qualquer relacionamento que possamos ter. A estória fica alternando entre presente e lembranças do passado, como eles se conheceram, porque o casamento não estava mais dando certo.

Eu chorei mais com esse livro do que com Eleanor & Park, e olhe que Eleanor & Park é um dos meus favoritos da vida! Eu me envolvi muito com a estória, era como se o meu casamento estivesse desgastado (p.s: eu não sou casada), e me vi diante dos mesmos dilemas que a George, muitas vezes eu tinha vontade de entrar no livro e dizer a ela que acordasse que as prioridades dela estavam trocadas, que ela precisa fazer algo antes que fosse tarde demais. A Raibow me enganou direitinho no final desse livro, eu jurava que o final ia ser diferente do que o que queria, e todos as atitudes da protagonista indicavam isso, mas no final tem uma baita reviravolta que me fez amar ainda mais esse livro. Apenas leiam e se sintam tão tocados com este livro como ele me tocou.

"Porque parte de mim quer, sim, e enganar. Parte de mim quer dizer que o que for preciso pra garantir que você ainda me queira. Quero dizer que vai ser diferente, melhor. Que vou ser mais sensível, que vou ceder mais. Mas não vou, Neal, eu sei que não vou. E não quero te enganar."

Ficaram interessados? Gostaram? Deixe seu comentário aqui embaixo e façam uma blogueira feliz :).

27 comentários:

  1. Oi flor. Tudo bem?! No começo da resenha não me interessei muito mas quando li a parte do telefone mágico minha visão e perspectiva diante da história mudou e eu fiquei muito curiosa em saber o que vai acontecer com o casamento deles e se as coisas vão melhorar.
    Vou dar uma chance p esse livro sim!
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  2. Oiiii

    Eu li somente Eleanor & Park dessa autora curti bastante, tenho muita vontade de ler esse livro, esta até na minha lista de desejados =)


    Bjosss

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Amo a Raibow Rowell e este é o meu livro favorito dela. Caramba, também me emocionei e dei risada com os personagens. Fico feliz que você tenha apreciado também!!!
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Eu ainda não li nada da Rainbow Rowell. Mas acho as sinopse dos livros dela uma coisa incrível, e ultimamente estou persebendo que várias pessoas começaram a ler os livros dela, já que já vi várias resenhas só essa semana. O Victor do cana Geek Freak indica um que ele simplesmente venera (esqueci o titulo) Espero poder ler qualquer ro brasileiro dela e ver se vou amar como a maioria
    Bjks

    ResponderExcluir
  5. Ola lindona acredita que ainda não li nada da autora preciso ler e vou começar com esse livro, amei a premissa, lendo sua resenha ela vai emocionar, engraçado que muitas vezes devido a correria não percebemos o quanto estamos ausente. Amei o tema e sua resenha ficou ótima. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Eu sou louca para ler esse livro.
    Adoro livros ou filme que abordam o tema casamento. Sempre levamos para a vida toda algo para refletir. Livros como esse não é somente bom para quem é casada(o), mas para solteiros também - pois a vez de todo mundo chega kkkk -
    Nunca li nada da autora, mas começaria por esse livro, sem duvidas.
    Amei a resenha e tenho certeza que vou amar o livro.

    http://www.colecoes-literarias.blogspot.com.br/2016/02/divulgacao-lancamento-fada-madrinha-e.html

    ResponderExcluir
  7. Olha sóp achei que se tratava de um casal Gay. Alguns nomes estrangeiros são unissex e a gente aqui não tem muito isso e fica confuso. Mas enfim, acho que foi só eu. Como achei que você um casal gay imaginei logo o Cam e o Mitchel de Modern Family, porque, bem, eu amo essa serie.

    Gostei do livro desde o começo do seu texto. Primeiro porque a gente lê muito sobre o casal tentando ficar junto e pouco sobre o depois que eles estão juntos. E quando entra a parte do telefone eu adorei mais ainda a ideia. Gosto muito da autora e pretendo ler esse livro também.

    Beijos,
    Mariana Baptista
    https://umavidaporlivro.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Acho que sou uma das únicas pessoas no mundo que ainda não leu nenhum livro da Rainbbow!
    Tenho o Eleanor E Park aqui, mas ainda não li! Pretendo ler esse ano...
    A premissa de ligações é bem legal e sua resenha me deixou bem animada para conhecer essa história.
    Se eu gostar muito de Eleanor e Park, com certeza Ligações será minha próxima leitura da autora.

    Beijos:*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  9. Olá, eu sou apaixonada pelos livros da autora, esse é um dos que eu não li ainda e confesso que fiquei bem curiosa com a sua resenha, tenho certeza que ele irá me emocionar também!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  10. Eu confesso que fiquei um pouco confusa com a história do telefone. Ela liga pro cara e o cara que atende é o cara do passado? Mas, oi? Não sou fã de romances, mas gosto quando os autores abordam um relacionamento mais maduro. Aqueles relacionamentos que não tem "e foram relizes para sempre" depois que os dois ficam juntos. Sempre tive curiosidade de ler alguma coisa da Rainbow (mesmo não sendo fã de romances), ela me parece que coloca um tempero extra nas histórias, mas ainda não tive oportunidade de ler nada dela.

    beijinhos
    Um Metro e Meio de Livros

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bom?

    Adorei a resenha. Ainda não conheço o trabalho dessa autora, mas só vejo resenhas elogiando, prova que devo ler algo dela logo hahaha Parece ser o tipo de livro que vou amar, por isso devo ler logo ;) Fico feliz que tenha gostado <3

    Obrigada pela dica, já coloquei na listinha.

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiee ^^
    Eu adoro os livros da autora, mas ainda não tive a oportunidade de ler esse. "Eleanor&Park" também me fez chorar, mas saber que você se envolveu ainda mais com "Ligações" me deixou ainda mais animada para lê-lo, pois algo me diz que eu também vou gostar bastante da história.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Olá, eu tinha uma certa curiosidade em ler esse livro mas tinha receio. Quando vi a sinopse pela primeira vez me bateu uma curiosidade mas achei que não fosse gostar e não quis me arriscar. Agora, lendo a sua resenha, eu acho que devo sim dar uma chance pra ele e matar de vez essa curiosidade. Pelo que você falou, parece ser muito tocante mesmo e espero que quando eu ler, possa gostar tanto quanto você

    ResponderExcluir
  14. Olha até então eu só li o livro Eleanor e Park da autora. Gostei sim da estória, mas eu não curti o fim. Sério, eu achei que ficou um vazio sabe? Mas mesmo assim foi uma boa leitura. Até porque a Raibow tem uma escrita muito boa. Agora os outros livros como FanGirl, Anexos e Ligações eu ainda não li não. Eu tenho todos eles na minha estante e espero fazer a leitura assim que puder. Mas não sei quando farei isso viu?! Mas eu gostei da sua resenha e percebi que você ficou bem empolgada com a leitura. E o normal de um livro é isso mesmo, a autora ir amadurecendo sua escrita e seus personagens e isso se torna algo muito bom para nós leitores. A evolução. Espero poder gostar dos outros dela e que não fique esse vazio que eu senti com Eleanor e Park.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/resenha-o-garoto-ao-lado.html

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Da autora eu só li Eleanor & Park e eu gostei muito da escrita dela. Eu acho a capa de Ligações LINDA e morro de vontade de ler. A sua resenha me deixou bem mais ansiosa, visto que essa leitura está leitura está na minha TBR do ano. Espero poder ler logo. E uma coisa que me anima, é a evolução da escrita da autora. O que me empolga bem mais. Parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  16. Olá!!! Tudo bem?
    A resenha me despertou o interesse em ler os livros da autora; pois fala com tanta paixão e envolvimento que fiquei atraída a conhecer. A historia parece ser envolvente e com muitos dramas como em muitos relacionamentos abalados. Parabéns pela linda resenha.

    Beijos
    Carla Fernanda
    http://livrosqueliblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Ligações parece ser mesmo um livro incrível.
    Fico feliz que o final tenha te surpreendido e que o livro tenha te feito chorar, eu adoro me sentir assim durante uma leitura.
    É muito legal quando a escrita da autora evolui.
    Fiquei bem curiosa em relação ao livro e espero ler algo dela em breve.
    Acho que devo começar na ordem de escrita, o que acha?
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá! Parabéns pela sua resenha, e vou ler mesmo esse livro! Você me deixou super curiosa para saber essa história. Sou casada há 4 anos, e achei bem interessante como a autora abordou o assunto...Tenho certza que vou amar! Beijos!

    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
  19. Oii, tudo bem?
    Eu já muitas criticas positivas dos livros da autora, e confesso que esse é o que mais me chamou a atenção. Eu gostei muito da ideia de um telefone que liga para alguem no passado, a historia deve ser bem legal de se acompanhar, e com certeza está na minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  20. "Combinar é algo em que se trabalha. É algo que você faz acontecer. Porque ama o outro". Você não precisava nem ter escrito a resenha para me convencer a ler esse livro, apenas essa frase e "chorei" já teriam sido o suficiente para mim.
    Amo livros que dão lições como essas, realistas, e amo dramas que fazem chorar porque... Bem, eu não sei porque, mas amo.

    ResponderExcluir
  21. É lindo como ela tenta recuperar seu casamento, mesmo depois de muito tempo de casados eles ainda se ama.

    ResponderExcluir
  22. Olá... tudo bem??
    É tão bom quando o livro traz esse tio de emoção ao nosso coração.... nos faz sentir na pele dos personagens e suas vivências... eu gosto de curtir isso nas resenhas que leio... a sua foi linda... eu já tive esse livro resenhado em meu blog, mas por uma resenhista minha... ela curtiu a história... talvez não tanto quanto você, mas ela achou essencial para mostrar os relacionamentos e as trocas que é um casamento... xero!!

    http://www.minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi Thay,
    a Rainbow me fez fã com Eleanor e Park, e de fã Girl embora não seja uma obra prima me conquistou banstante.
    Ainda não li esse, mas pelo visto vou me apaixonar.
    Adorei sua resenha carregada de emoções.
    Vou ler assim que der,
    bjs
    Luana Lima
    http://blogmundodetinta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Olha... muito pertinente o tema desse livro, sabe?
    A gente sempre lê sobre como surgem os romances até o momento em que a mocinha e o mocinho se casam, mas e o que acontece depois?
    A convivência é difícil e existem muitas pedras pelo caminho, não é sempre que vemos um livro assim.
    bjs
    diariodeumapsicopedagoga.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oi!
    Eu já li dois livros da autora e gostei muito, ela consegue criar personagens para todos se identificarem, sem contar que as histórias são lindas! Espero poder ler Ligações logo e também me emocionar, ainda mais porque eu também gostei demais de Eleanor & Park.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Olá, adorei a resenha, sempre ouço falar dos livros da Rowel, estou sempre na vontade e acabo nunca lendo.
    Você disse que esse é ainda melhor do que Eleanor e Park e era exatamente por esse que ia começar, então quando for ler um livro da autora vou ler esse, pois adoro reviravoltas e finais inesperados.
    Beijos grande.

    Giuliana

    ResponderExcluir
  27. Eu já percebi que as opiniões a cerca da autora não beeem divididas, uns falam muito bem e outros nem tanto, a mesma situação de Crepúsculo, mas diferentemente das obras da Stephanie, eu tenho vontade de ler os livros da Rainbow, para tirar minhas próprias conclusões.

    Amei a sua resenha, parabéns!

    http://marcasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

© Entre óculos e Livros - Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayanne.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo